Horizontes do léxico capurriano

cAP

URR

IAN

AS

O Capurrianas é um projeto construído a partir das experiências de pesquisadores e de estudantes do Ecce Liber, mas reporta-se à história de um longo percurso institucional orientado às investigações em filosofia e epistemologia da Ciência da Informação.

A procura por um lexicon capurriano pode ser reconhecida na tradição epistemológica do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), da qual do Ecce Liber integra e vivencia. 

Nos anos 1990, o IBICT cria as pioneiras paisagens de investigação em filosofia e epistemologia no escopo dos estudos informacionais. A partir de Lena Vania Ribeiro Pinheiro e Maria Nélida González de Gómez, nasce dentro da ANCIB o grupo de trabalho Estudos Históricos e Epistemológicos da Ciência da Informação, fomentado pelo IBICT.

Em 1996 é criado no contexto do PPGCI IBICT UFRJ o grupo de pesquisa Teoria, Epistemologia e Interdisciplinaridade na Ciência da Informação, a partir das duas pesquisadoras.  Em 2003, em viagem ao Brasil, Rafael Capurro apresenta uma divisão paradigmática da epistemologia histórica da Ciência da Informação que marca o pensamento informacional brasileiro definitivamente, bem como registra a incontornável face do pensamento capurriano no país. 

 

Em 2003, o coletivo Ecce Liber é formalizado, após dois anos de discussão, entre a Escola de Biblioteconomia da Unirio e o IBICT, e funda-se uma linha de pesquisa orientada para os estudos históricos e epistemológicos da Ciência da Informação.

O Ecce Liber passou a integrar, assim, diferentes estudos interessados na relações entre filosofia, linguagem e organização dos saberes, incluindo os estudos conceituais e metafóricos. Fruto dessa tradição, com a consolidação do coletivo, a partir de 2015 iniciam-se os estudos capurrianos no grupo de pesquisa.

Por fim, a direção do projeto ganha sua formalização: em 2016, Rafael Capurro visita o Rio de Janeiro e o IBICT e a proposta de tradução de todo o seu pensamento e de construção de um léxico é fundada.

 

Lança-se ali a pedra fundamental do primeiro liber lexicon.

© ECCE LIBER - Ateliê de SocioInovação (aSi) - 2017

CENACIN - IBICT

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle

CAPES - CNPq - FAPerj